Header Ads

Como fazer pipoca light?

A pipoca é uma opção de lanche muito interessante e é constantemente a comida companheira das sessões de cinema. A pipoca costuma ser bem calórica por levar óleo de soja, muito sal ou manteiga, mas saiba que é possível tornar essa receita mais leve e light através da substituição de óleo de soja por óleo de coco, colocando menos sal e priorizando temperos naturais ou utilizando água ao fazer no micro-ondas.

Quando preparada do jeito certo, as pipocas só trazem benefícios para a saúde. A pipoca é rica em fibras integrais e combate o envelhecimento, pois sua casca tem alta concentração de antioxidantes, o que ajuda o corpo a se livrar de radicais livres e pode inclusive prevenir diversas doenças.

Pesquisas afirmam que a pipoca surgiu em 3600 a.C na região onde hoje é o estado do Novo México (Estados Unidos). Depois, o milho se popularizou e ganhou fama mundial. Segundo cientistas da Universidade de Scranton, a pipoca reúne mais antioxidantes que uma porção de frutas e verduras, como por exemplo as fibras alimentares, que ajudam o bom funcionamento do intestino e tornam a digestão mais lenta, o que prolonga a saciedade. Sabe-se que uma porção de 100 gramas de pipoca light tem apenas 88 kcal!

Veja 10 maravilhosas receitas de Pipoca Light clicando aqui